MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews 2017: 3860619
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Cade o XP Mode no Windows 7 ?

Quem já havia visto os videos ou lido sobre o XP Mode do Windows 7 e a integração com máquinas virtuais como eu, e agora instalou o RC do Windows 7 notou que não aparece nada.

O motivo é que  Windows 7 RC não vem com o "XP Mode", pois este é um recurso do novo "Windows Virtual PC" que é a próxima versão do Microsoft Virtual PC 2007. Voce pode baixar o WPC no Technet ou no MSDN se for assinante, mas existe um limitador que irá quebrar as pernas de muita gente: é necessário ter um processador e placa mãe com Hypervisor (AMD-V ou Intel-VT). Alem de baixar o WPC baixe tambem o "Windows XP Mode" para ter acesso a esta nova função.

 Mais detalhes sobre o download (publico em 05/05), documentação e requerimentos acesse: http://www.microsoft.com/windows/virtual-pc/default.aspx

Posted: mai 01 2009, 21:47 by msincic | Comentários (8) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Virtualizaçao | Windows 7

MED-V e XP Mode do Windows 7

Nos ultimos dias ouvimos muitas noticias sobre o XP-Mode do Windows 7.
Para quem acompanhava noticias sobre virtualização de aplicações notou que um termo muito utilizado era um tal de "MED-V".
Para entender o que é o MED-V é necessário conhecer o pacote MDOP, que só é disponivel para clientes de contrato Software Assurance.
O MDOP possui uma aplicação chamada SoftGrid da Microsoft (uma empresa comprada) que faz a virtualização de aplicações utilizando camadas intermediárias de software. O SoftGrid gera um pacote em um unico arquivo com a aplicação instalada em uma máquina de staging (estágio) onde fazemos o processo de sequence (sequenciamento) da aplicação que consiste em monitorar todos os arquivos, configurações e alterações que um determinado programa faz durante um processo de instalação. Após este processo terminar é gerado um único arquivo com todos os dados e arquivos. Este arquivo é enviado as estações quando executam a aplicações através de um cliente "app launcher" (lançador de aplicações).
Este processo funciona muito bem desde que respeitados algumas limitações. A primeira que o SoftGrid só funcionava com aplicações 32 bits, nada de 64. Outra que o SoftGrid não emulava hardware, apenas criava o pacote.

Qual a vantagem do MED-V?
O MED-V faz a virtualização do ambiente completo, incluindo o sistema operacional. Ou seja, o recurso "XP Mode" do Windows 7 já podia ser emulado no Windows Vista com o MED-V, mas ainda existe a exigencia do cliente ser SA. Para entender o MED-V pense que hoje para rodar uma aplicação que só executa no Windows XP, Windows 2000 ou qualquer outro a recomendação padrão da Microsoft era instalar o Virtual PC e executar uma VM, o que funcionava. Porem havia o problema de ser uma aplicação utilizada em diversas estações.
São nestes casos que o MED-V ajudará, ele faz o processo de execução da VM em modo Enterprise, ou seja, ele centraliza as VMs e ao usar o "app launcher" vocês estará na verdade executando uma VM.
Atualmente o MED-V está na versão 1.0 para uso, mas já existe uma versão mais recente ainda em Beta.

Mais detalhes: http://www.microsoft.com/windows/enterprise/products/med-v.aspx

Posted: abr 30 2009, 11:47 by msincic | Comentários (6) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Windows 7 | Virtualizaçao
Login