MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Começando um novo ano de trabalho e balanço de 2010

Fechando o ano de 2010 é hora de fazermos um balanço de nossas conquistas, só assim podemos comparar com o ano seguinte e usar como base para continuarmos nossa evolução profissional.

Este ano pude participar de vários eventos, palestras e webcasts:

Espero que 2011 seja um ano cheio de atividades e que a comunidade possa tirar proveito das iniciativas que virão como o Road Show e os eventos como TechEd 2011 e MVP Summit.

No blog este ano tive a boa surpresa de ter recebido mais de 73 mil visitantes únicos e mais de 138 mil visitas no meu blog em portugues, o que me incentiva a continuar publicando dados.

Grafico 2010

Alem dos numeros acima, em 1º de Outubro publiquei uma versão do blog em ingles pelo wordpress (http://msincic.wordpress.com/) e que nestes 3 meses tive a presença de 1.198 visitantes:

Grafico 2010-2

Também neste quesito tenho a intenção de trazer mais assuntos em 2011 que ajudem a comunidade e divulguem produtos e experiência.

Posted: jan 03 2011, 09:30 by msincic | Comentários (6) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Comunidades | Outros

Oracle VirtualBox chega na versão 4.0

Dia 22/12 a Oracle liberou a versão 4.0 do VirtualBox, na minha opinião o melhor gerenciador de VMs para utilizar em clientes. Se quiser saber os motivos, veja o post Utilizando VMs de 64 bits.

As novidades se concentram em muitos aspectos internos, porem a interface se aproximou mais do Hyper-V e do VMWare mostrando snapshots do estado da máquina:

TelaVirtualBox4

Outra interessante função que fazia muita falta é o recurso de chamar uma VM diretamente por um atalho, como fazemos com o Windows Virtual PC (do Windows 7), que agora é possivel:

TelaVirtualBox4-2

Para ver as alterações e baixar o software clique aqui http://www.virtualbox.org/wiki/Changelog

Posted: dez 28 2010, 10:20 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Virtualizaçao

Tamanho de setor em HDDs novos influi em imagens e performance

Hoje recebi um email da HP referente ao meu notebook que informa a necessidade de incluir nas imagens um KB da Microsoft ou então mudar a formatação mesmo em Linux!!!

O documento está anexado no post, mas a explicação é, no minimo, intrigante. Eu fiquei impressionado de saber que não foi divulgado que este problema existe de forma mais extensiva e não foi disponibilizado no Windows Update.

O problema é que a industria de HDDs mudou o tamanho dos setores de 512 bytes para 4 Kbytes e simplesmente não avisou os fabricantes que otimizam o chipset e BIOS para trabalhar com blocos de 512 bytes, o que pode gerar uma lentidão de absurdos 300% na performance, principalmente do Windows XP ou SOs mais novos quando instalados por imagem.

Vale a pena ler, mesmo que você não tenha um equipamento da HP já que o KB982018 http://support.microsoft.com/kb/982018 se aplica a qualquer equipamento.

HP White Paper 4kb sector.pdf (454,56 kb)

Posted: dez 24 2010, 12:02 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Hardware | Windows

Atualizado: Baixe todos os Infrastructure Planning and Design (IPD) guides da Microsoft JUNTOS !!!

Pois é, todos sabemos que a Microsoft tem os IPDs para seus produtos. Mas para quem não sabe IPD é o guia para planejamento e design que o ajuda a montar projetos de implementação.

Foi acrescentado os IPD para o BPOS, atualizado os de virtualização e de System Center, alem do Exchange 2010 e SCSM.

Por exemplo, o guia do SQL Server 2008 R2 é dividido em 8 tarefas que devem ser documentadas para uma implementação satisfatória. Ele também contem links para referencias técnicas, um ppt para apresentação do guia e um documento do visio com o modelo de implementação.

A grande sacada é que existe como baixar todos os IPDs juntos, desde sistema operacional de cliente até Datacenters, passando pelo Sharepoint, SQL, familia System Center e por ai afora !!!

Use este link para baixar todos os IPDs: http://download.microsoft.com/download/5/B/C/5BC966BC-47D8-41DF-95F2-FA9A2D816258/IPD%20-%20All.zip

Use este link para baixar IPDs individuais: http://www.microsoft.com/downloads/en/details.aspx?FamilyId=AD3921FB-8224-4681-9064-075FDF042B0C&displaylang=en

Veja a lista dos IPDs disponiveis na data de hoje:

  • New! Exchange Server
  • New! System Center Service Manager
  • Updated! Exchange Online—Evaluating Software-plus-Services
  • Updated! SharePoint Online—Evaluating Software-plus-Services
  • Active Directory Certificate Services
  • Active Directory Domain Services
  • DirectAccess
  • Dynamic Datacenter
  • File Services
  • Forefront Identity Manager 2010
  • Forefront Unified Access Gateway
  • Internet Information Services
  • IPD Series Introduction
  • Microsoft Application Virtualization 4.6
  • Microsoft Enterprise Desktop Virtualization (MED-V)
  • Print Services
  • Selecting the Right NAP Architecture
  • Selecting the Right Virtualization Technology
  • SQL Server
  • System Center Configuration Manager 2007 SP1 with R2
  • System Center Data Protection Manager 2007 with SP1
  • System Center Operations Manager 2007
  • System Center Virtual Machine Manager 2008
  • Terminal Services
  • Windows Deployment Services
  • Windows Optimized Desktop Scenarios
  • Windows Server 2008 R2 Remote Desktop Services
  • Windows Server Virtualization (for Windows Server 2008 Hyper-V)
  • Windows User State Virtualization

Documentação do System Center Operations Manager 2007 Atualizadas com R2

Logo Microsoft System Center Operations Manager

A alguns meses publiquei um link com a documentação atualizado do System Center Configuration Manager 2007 R3 (Documentação do System Center Configuration Manager 2007 Atualizadas com R3).

Agora foi publicado a atualização das documentações do System Center Operations Manager 2007 R2 completas. São dois links principais, um da biblioteca do TechNet e o outro com um resumo mais condensado incluindo documentações adicionais de planejamento:

Biblioteca atualiza do TechNet: http://bit.ly/i705kN

Hotsite do produto: http://bit.ly/hvzTM7

Bom proveito e recomendo ler os documentos do hotsite, principalmente o arquivo compactado logo no primeiro link do Hotsite que contem todos os documentos de implementação resumidos (http://bit.ly/flaxu5).

Posted: dez 20 2010, 13:32 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'roadmap'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Novo RoadMap e Licenciamento Windows Server 2016

Após o lançamento do Windows Server 2016 recebi diversos questionamentos sobre o futuro (roadmap) e o licenciamento do Windows para servidores.

Vamos integrar este assunto ao tópico sobre SAM em http://www.marcelosincic.com.br/post/Software-Asset-Management-(SAM)-com-System-Center-Configuration-Manager.aspx 

Novo Ciclo de Vida para Windows Server

Como exemplo, o Windows 10 foi lançado no build 1511, atualizado para o 1606 e já existem outras builds disponiveis para quem é parte do programa Windows Insider.

O mesmo conceito será adotado com o Windows Server, que terá garantido 10 anos de vida útil com atualizações, porem com duas “vertentes”:

  1. Windows Server 2016 Desktop Experience (instalação pradrão) e Server Core – Nesta versão o tempo de vida será de 10 anos. Esse modelo é o mesmo do Windows 10 chamado de LTSB (Long Term Service Branch).
  2. Windows Server Nano – Nesta versão o tempo de vida é de 10 anos e as atualizações serão por build como no Windows 10. Esse modelo de atualizações é chamado de CBB (Current Branch for Business) e está em conformidade com o “Modern Lifecycle Policy”.

Referencia: https://blogs.technet.microsoft.com/windowsserver/2016/07/12/windows-server-2016-new-current-branch-for-business-servicing-option/ e https://support.microsoft.com/en-us/lifecycle/search?alpha=windows%20server%202016

Vamos entender melhor o que isso significa e como é diferente do atual modelo.

No Windows 2012 novas features sempre eram acrescentadas no R2 e Service Packs, ou seja, era necessário aguardar até dois anos para ter as novas funcionalidades do SO.

Para as instalações de Windows Server 2016 Full e Server Core as atualizações serão enviadas por pacotes cumulativos, como se fosse um Service Pack. O mais atual para Windows 10 e Windows 2016 é o Anniversary Update. Novas features serão enviadas junto com estes pacotes.

Já no Windows Server 2016 Nano as atualizações carregam novas features, ou seja um novo recurso lançado no Windows será enviado para os servidores como um pacote opcional de 3 a 4 vezes por ano. Não haverá necessidade de esperar pelo update cumulativo para ter acesso a funcionalidades novas.

Em suma, teremos um Windows atualizado por 10 anos. Se utilizar a versão Full precisará aguardar os updates anuais cumulativos para ter acesso a novas funcionalidades. Se usar a versão Nano poderá ter acesso muito rápido quando novas funcionalidades ficarem disponiveis.

Licenciamento

Já conhecido no SQL Server 2012 o licenciamento por CORE se torna o padrão para o Windows Server.

A mudança tem um motivo muito simples, o numero de processadores (sockets) em um servidor low e medium profile (por exemplo Xeon E3 e E4) passaram a dimunir e o numero de CORE (empilhamento) aumentar com o aumento da miniaturização dos componentes.

Em tempos passados era comum uma maquina de 4 Sockets (processores) cada um com 4 ou 8 CORE. Hoje é muito mais comum máquinas de 2 Sockets e 48 CORE. Por exemplo, o Xeon E5-2650 tem 10 CORE e o E7-8890 tem 24 CORE.

Baseado nisso, os fabricantes estão mudando a cobrança de SOCKET para CORE e impondo um minimo de CORE para cada servidor.

Para entendermos melhor como se licenciava antes um servidor e como ficará agora, levando em conta que cada licença é comprada para 2 Processadores ou para 2 CORE:

SO Processadores COREs Total Tipo de Licença Licenças Necessárias
W2012R2 1 2 PROC 1 licença de 2 Socket(Proc)
W2012R2 1 10 PROC 1 licença de 2 Socket(Proc)
W2012R2 2 8 PROC 1 licença de 2 Socket(Proc)
W2012R2 3 24 PROC 2 licenças de 2 Socket(Proc)
W2016 1 2 CORE 8 licenças de 2 CORE (minimo)
W2016 1 10 CORE 8 licenças de 2 CORE (minimo)
W2016 2 8 CORE 8 licenças de 2 CORE (minimo)
W2016 3 24 CORE 12 licenças de 2 CORE

Ou seja, todos os servidores fisicos que você possua precisarão ser licenciados para no minimo 16 CORE mesmo que ele só tenha 4 CORE (Xeon E2).

Mas não se assuste, o valor que hoje se pagava por uma licença de 2 Processadores é equivalente ao pago pelas 8 licenças de 2 CORE. Ou seja, financeiramente para servidores comuns não haverá diferença.

E como ficam as licenças que já possuo por Processador?

Essa é a pergunta mais comum e a resposta é simples: Para cada licença atual de 2 Processadores/Socket (Lic2Proc) a Microsoft irá automaticamente converter e considerar como 8 licenças CORE (Lic2CORE).

Mas e se eu tenho atualmente um servidor com 2 Processadores e 24 CORE, terei que comprar 8 CORE (2 licenças Lic2CORE) adicional?

Neste caso é importante que você execute um SAM (Software Asset Management) antes de renovar seu contrato ou imediatamente antes de trocar seu servidor para documentar que havia essa situação.

Uma vez com o SAM arquivado e documentado, você poderá contar com as 24 licenças de CORE em outro servidor, mas exige uma atenção:

  1. Possuo atualmente um servidor de 24 CORE e comprei outro de 36 CORE: Precisará comprar 6 licenças (Lic2CORE) para complementar
  2. Comprei dois servidores de 12 CORE: Você não poderá “quebrar” as 12 licenças convertidas, pois elas são para um servidor e não licenças independentes

CONCLUSÃO

Execute um SAM imediatamente para documentar a situação dos seus servidores atuais.

Lembre-se que só precisará pagar se não documentar!!!!

Para leitura adicional e exemplos de conversão, baixe o documento de licenciamento: https://www.microsoft.com/en-us/licensing/product-licensing/windows-server-2016.aspx#tab=2

Posted: dez 26 2016, 17:41 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login